Meio&Mensagem
Publicidade

Cannes Lions

21 A 25 DE JUNHO DE 2021

“Eu Sou”, da VMLY&R para Starbucks, dará terceiro Grand Prix ao Brasil

Ação afirmativa para pessoas trans conquistou o prêmio máximo do Glass 2021, cujo resultado oficial será divulgado na sexta-feira

Alexandre Zaghi Lemos
22 de junho de 2021 - 23h01

O resultado oficial da área de Glass do Cannes Lions 2021 só será divulgado na sexta-feira, 25. Entretanto, o júri já encerrou os trabalhos de avaliação após assistir apresentações online nos últimos dias dos 20 projetos finalistas.

O Grand Prix será entregue ao case brasileiro “Eu Sou”, da VMLY&R para Starbucks, que ajudou pessoas trans a mudarem seus nomes oficialmente. Será a primeira vez que o Brasil conquista o prêmio principal desta área no Festival de Cannes. E também o primeiro Grand Prix em Cannes do escritório brasileiro da agência e das duas marcas que a originaram no ano passado: VML e Y&R.


Além de muito bem recebido no júri de Glass, a ação “Eu Sou” ganhou uma sessão de apresentação na agenda de seminários do Cannes Lions, que contou com as participações de Beth Wade, CMO global da VMLY&R; Rafael Pitanguy, CCO da VMLY&R; Claudia Malaguerra, diretora geral do Starbucks Brasil; e da modelo trans Valentina Sampaio.

Nesta quarta-feira, 23, devem ser confirmados os outros dois Grand Prix brasileiros do Cannes Lions 2021. Em Entertainment for Sport, o case escolhido foi “Salla 2023”, da Africa para House of Lapland, órgão que promove a região da Lapônia, no norte da Finlândia, como destino de viagens e negócios. A ação apresenta a inusitada candidatura da pequena cidade finlandesa de Salla, que sofre consequências das mudanças climáticas no Círculo Polar Ártico, a sede dos Jogos Olímpicos de Verão de 2032.

Já em Entertainment for Music, o vencedor é “Parada no Feed”, ação criada pela Gut para Mercado Livre, que promoveu uma parada virtual no Instagram para compensar o cancelamento da Parada do Orgulho LGBT de São Paulo, no ano passado.

Publicidade

Compartilhe

Patrocínio