Meio&Mensagem
Publicidade

Cannes Lions

21 A 25 DE JUNHO DE 2021


20 de junho de 2021 - 21h18

Brooklyn Nets perdeu o 7º jogo para Milwaukee. No Brooklyn. Começou Cannes Lions.

Ambições a parte é importante entender um aspecto de Cannes. Leão em Cannes não dá de véspera. E nem tudo na vida é exatamente do jeito que a gente quer. Ou imagina que vai fazer. Isso vale para Kevin Durant, Lebron, Curry e companhia. Por melhor que seja o que faz diferença é o dia. Todo dia importa. Cannes, para as agências independentes é feito do dia a dia. Da consistência.

Não existem duas pilhas de trabalho. Um do dia a dia e outro de Cannes. Agências independentes não possuem fôlego para isso. Nem querem isso.

É preciso dar alma ao trabalho. E isso leva tempo. Leva dias. Leva uma vida. E por isso, as horas importam. Toda decisão conta e por isso as decisões precisam ser bem pensadas. Com tempo.

Tempo é a potência que multiplica o talento. E sendo assim, nosso trabalho precisa ser bem remunerado. Pois o tempo é um só. Muito bem remunerado aliás. Pois ter espaço e tempo livre na equipe e na cultura da agência para cuidar dos trabalhos requer pagar as contas ao final do mês. Ninguém cria direito com o dia 31 indefinido no radar.

Não dá pra começar o mês não sabendo como vamos fechá-lo. Essa dinâmica é sensível, requer sangue frio e saber dizer não. Aí está a beleza das agências independentes: Uma montanha russa que as vezes é um trem fantasma e outras um “Aqua World” com splash quando você desliza.

O retrato que os finalistas de Cannes mostram hoje foram trabalhos diários de agências dos últimos dois anos.

Existe uma quantia reduzida de leões a serem dados. Uma quantia limitada. Muitos mais trabalhos do que vão ganhar, mereceriam leão. O que estudos dizem que é próximo de 0.3% dos trabalhos inscritos vão levar leão. E mais: menos de 8% viram finalistas. A matemática é cruel e a melhor imagem para o Narciso. Então é bom que essa porcentagem recolha do seu dia a dia o que merece ser premiado.

Ontem assistindo ao Brooklin Nets perdendo o 7º jogo para Milwaukee no Brooklyn, com Durant, Kyrie e James, fiquei pensando que cada dia importa. Cada arremesso. Mesmo os arremessos do garrafão do Giannis, cada um foi importante.
Ele se superou para melhorar o arremesso. O Brooklyn perdeu por 3 pontos apenas com o erro no último arremesso. Quantas vezes James e Durant já ganharam no ultimo arremesso! Mas ontem não.

Começou a semana. Começou Cannes. Começou a sessão de fotos dos últimos dois anos da indústria. Qualquer pequena vitória é importante. Um mínimo avanço diário importa e deve ser comemorado. Foi finalista? Comemore amigo. O jogo é duro! O segredo da maestria é a consistência e o aprendizado e a aventura da vida é descer pro play!

Publicidade

Compartilhe

Patrocínio