Meio&Mensagem
Publicidade

Cannes Lions

21 A 25 DE JUNHO DE 2021


16 de junho de 2021 - 14h49

No momento que o mundo vive, como será nossa experiência com Cannes este ano? Cannes é sobre celebração. Mas, afinal, celebrar o que?

Bem, é inegável que a gente precisa olhar para a cultura como um todo nos últimos 2 anos para entender que sim, é fundamental celebrar os trabalhos e as pessoas que conseguiram influenciá-la e entregar projetos tão importantes neste período, mesmo diante de tantas incertezas.

Celebrar os esforços e as pessoas que conseguiram fazer da criatividade um serviço essencial para o mundo, para a sociedade e para a nossa própria sanidade em tempos tão difíceis.

A gente precisa celebrar esses exemplos e essas histórias que se desenham como verdadeiras lições. A gente precisa muito, principalmente agora.

E eu sou capaz de apostar que os melhores trabalhos são recheados e norteados por sensibilidade, empatia e por importantes gestos de humanidade. Porque enquanto uma parte pequena do mundo tem o que celebrar agora – a vacinação em massa, a volta às aulas, a economia funcionando novamente e a tão esperada recuperação da vida fora de casa -, a maior parte segue precisando de muita saúde para se manter na espera pela sua vez.

Eu torço para que Cannes seja um farol para esses tempos intolerantes, desiguais e doentes que a pandemia vem revelando, especialmente aqui no Brasil. Vou acompanhar as sessões especiais de Debrief, que devem ser recheadas de bons aprendizados. Para mim, imperdíveis! E gostaria muito de escutar jurades brasileires que viveram tudo isso, o que aprenderam e o que têm pra dividir conosco aqui no Brasil. Que além de saúde, nunca antes precisou de tanta imaginação, de tanta verdade e de tanta força para lidar com o que a realidade está impondo para nós.

Publicidade

Compartilhe

Patrocínio