Meio&Mensagem
Publicidade

Cannes Lions

17 A 21 DE JUNHO DE 2019 | CANNES - FRANÇA

Innovation Lions: A maior feira de ciências de escola do mundo

De todas as categorias, achava a mais massa, porque ia além da publicidade: era a criatividade a serviço de algo maior, não raro flertando com tecnologia e comportamento


16 de junho de 2019 - 7h58

Eu não gosto que falem mal de publicitários. Muito menos dos criativos. É uma questão de princípios mas, principalmente, de auto-sobrevivência: como trabalho desde os 16 anos nessa indústria, não sei fazer mais nada da vida e ainda tenho 3 filhos pra criar. Por isso também detesto campanhas de premiações que retratam o criativo como ególatra, narcísico e supérfluo. Até porque geralmente quem cria essas campanhas depois reclama da falta de respeito por parte dos clientes, sem se lembrar que eles leem os mesmos jornais onde suas campanhas autodepreciativas veiculam. Vai entender. Ah, e também tem o personagem do ex-publicitário que abre a consultoria e aí sai “desmascarando” tudo. (mas pra esse vou dar um desconto: ele também está lutando pela sua auto-sobrevivência, não é mesmo?)

Ok, mas uma vez feito os devidos disclaimers, o que quero mesmo contar é que esse ano perdi umas das minhas atrações preferidas de Cannes: o Innovation Lions. De todas as categorias, achava a mais massa, porque ia além da publicidade: era a criatividade a serviço de algo maior, não raro flertando com tecnologia e comportamento, dois assuntos que tenho na mais alta conta. E ali não raro havia o tal “propósito” que tanto é cobrado das marcas. Fora que ver os criativos sendo sabatinados ao vivo pelos jurados era didático e entertaining.

E porque estou colocando isso no passado, se o Innovation Lions ainda existe, tal e qual? Bem, é que nesse ano eu fui na CES, em Las Vegas. E aí perdeu a graça.

Pra quem não sabe, a CES é tida como a maior feira de “consumer electronics” do mundo e abrange todas as indústrias que estejam conectadas com a inovação e a tecnologia – ou seja, hoje em dia, todas as indústrias mesmo. Carros autônomos, drones, telas de LCD flexíveis, casas inteligentes, bancos, telecomunicações, IOT, etc etc. É o trabalho de milhares de cientistas, engenheiros, programadores. Ou seja, gente que estudou a fundo o problema e tem mais recursos para vir com a solução. E o impacto que tudo o que você vai ver ali é real, e não só pro video case.

Estar na CES fez o Innovations Lions me parecer uma grande feira de ciência de escola. Daquelas com bastante cartolina e isopor, lembra? De novo: não quero ser esnobe nem diminuir minha amada profissão. Mas se você quer conhecer o que realmente vai revolucionar, dê uma passadinha na CES no ano que vem. Eu recomendo e muito.

E garanto que se você for um diretor de criação, como eu, vai ficar bem mais difícil pro seu time aprovar com você aquelas ideias com sensores, bluetooth e GPS que até bem pouco tempo atrás pareciam o máximo. Ah, e aproveitando: também não aprove mais campanhas que ridicularizem os criativos, por favor.

Publicidade

Compartilhe

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”

Patrocínio

Mobile Partner