Meio&Mensagem

Prêmios Especiais

Prêmios concedidos as partir da performance das empresas no Cannes Lions 2018:

Agency of the Year
1ª Adam&EveDDB
2ª AMVBBDO
3ª BBDO New York

Independent Agency of the Year
1ª Jung von Matt
2ª Droga5 NY
3ª Wieden+Kennedy London

Network of the Year
1ª BBDO Worldwide
2ª Ogilvy
3ª DDB Worldwide

Holding Company of the Year
1ª Omnicom
2ª WPP
3ª Interpublic

Palme d’Or (produtora do ano)
1ª MJZ
2ª Revolver / Will O’Rourke (Australia)
3ª The Corner Shop (EUA)

Grand Prix for Good / Cannes Lions
"Project revoice", da BWM Dentsu Sydney para The Als Association
O prêmio destaca o melhor trabalho realizado para organizações sem fins lucrativos ou para serviços públicos, que são inelegíveis aos demais Grand Prix do Cannes Lions.

Grand Prix for Good / Lions Health
“Blind to Speak”, da TBWA\India, de Mumbai, para Asha Ek Hope Foundation
O prêmio destaca o melhor trabalho realizado para organizações sem fins lucrativos ou para serviços públicos entre os concorrentes nas duas áreas do Lions Health (Health & Wellness e Pharma).

Healthcare Agency of the Year
1ª Havas Lynx
2ª Area 23
3ª Langland

Healthcare Network of the Year
1ª FCB Health
2ª Havas Health
3ª Publicis Health

Media Network of the Year
1ª Mediacom
2ª OMD Worldwide
3ª Mindshare

Homenagens escolhidas pela organização do festival e previamente anunciadas:

Leão de São Marcos
Pela primeira vez, será entregue a duas pessoas: os irmãos indianos Piyush Pandey, diretor criativo da Ogilvy na Asia, e Prasoon Pandey, cineasta (leia mais aqui).
Voltado a profissionais que contribuíram para o desenvolvimento da criatividade na comunicação durante sua carreira. Introduzido em 2011, o prêmio já foi concedido a David Droga (Droga5, em 2017), Marcello Serpa (ex-sócio da AlmapBBDO, em 2016), Bob Greenberg (R/GA, em 2015), Joe Pytka (diretor, em 2014), Lee Clow (Media Arts Lab, em 2013), Dan Wieden (W+K, em 2012) e John Hegarty (BBH, em 2011).

Creative Marketer of the Year
Google, vencedor de 127 Leões na história do festival, incluindo Grand Prix para as campanhas NYT VR, Google Deepmind Alphago, Google Cardboard, Google Voice Search e Hilltop reimaginado para a Coca-Cola. Lorraine Twohill, CMO do Google, receberá o prêmio na cerimônia de encerramento do festival, dia 22 de junho (leia mais aqui).
O prêmio existe desde 1992 e já foi entregue para empresas como Burger King (2017), Samsung (2016), McDonald´s (2014), Coca-Cola (2013), Mars (2012), Ikea (2011), Unilever (2010), Volkswagen, P&G, Honda e Adidas, entre outros. Apenas Nike (2003 e 1994) e Heineken (2015 e 1995) receberam duas vezes.

Media Brand of the Year
Spotify, plataforma de música que ganhou cinco Leões no ano passado. O prêmio especial será entregue no dia 20 ao CEO Daniel Ek (leia mais aqui).
Entregue desde 1999, o prêmio era chamado até o ano passado de Media Person of the Year e já foi entregue, entre outros, a Silvio Berlusconi (1999), Steve Ballmer (Microsoft, em 2008), Mark Zuckerberg (Facebook, em 2010), Eric Schmidt (Google, em 2011), Jack Dorsey (Twitter, em 2012), Salar Kamangar (YouTube, em 2013), Richard Pelpler (HBO, em 2014), Sy Lau (ITS Online Media Group e Tencent, em 2015), Shane Smith (Vice Media, em 2016) e Lucian Grainge (Universal Music Group, em 2017).

Cannes LionHeart
Paul Polman, CEO da Unilever, em reconhecimento a seu comprometimento em levar a sustentabilidade ao centro das operações da companhia. O executivo assumiu como CEO da Unilever em 2009 e desde então, afirma a organização do Cannes Lions, liderou um plano ambicioso de dissociar seu crescimento em bens de consumo de um impacto ambiental significativo e aumentar seu impacto social positivo por meio do Sustainable Living Plan (leia mais aqui)
Homenagem que estreou em 2015 e é dedicada a alguém cujo pensamento inovador sobre o uso da força das marcas comerciais tenha feito diferença positiva para as pessoas e o planeta. Em 2015, foi concedido a Al Gore, ex-vice-presidente dos Estados Unidos e presidente do The Climate Reality Project. Em 2016, o homenageado foi Blake Mycoskie, criador da marca de calçados TOMS, sigla em inglês de Shoes for Better Tomorrows. E, no ano passado, foi entregue a Richard Curtis, fundador do Project Everyone, co-fundador e vice-presidente da Comic Relief, homenageado também pelo envolvimento em iniciativas de caridade que incluem Red Nose Day e a campanha Make Poverty History.

Patrocínio