Meio&Mensagem
Publicidade

Cannes Lions

17 A 21 DE JUNHO DE 2019 | CANNES - FRANÇA

Um dia com 2 pontos altos ou seriam 3?

Meu dia começou com o professor Scott Galloway pregando apaixonadamente a destruição das gigantes da tecnologia Google, Facebook, Apple e Amazon


21 de junho de 2018 - 10h42

Cannes agora tem o Palais I e o Palais II, com palestras, apresentações, demonstração de produtos acontecendo simultaneamente em dezenas de palcões e palquinhos. Então você tem que fazer uma bela pesquisa pra escolher onde ir e dar a sorte de estar no lugar certo e nas palestras certas. Nesta quarta eu tive muita sorte: meu dia começou com o professor Scott Galloway pregando apaixonadamente a destruição das gigantes da tecnologia Google, Facebook, Apple e Amazon. Não que elas não possam existir, mas precisam ter concorrência, precisam pagar impostos justos, precisam ser transparentes. “Muito poder na mão de uma só empresa corrompe”, segundo ele. Não tem como discordar. Enquanto ele não consegue destruir a Apple, corri para a palestra em que ela veio falar de suas lojas. E se depender da Apple, o varejo físico não morre tão cedo. Mas tem muito pra evoluir. O caminho, segundo a Apple é dar completa atenção aos mínimos detalhes, promover a criatividade dos funcionários e oferecer experiências incríveis ao consumidor. E não tem ninguém trilhando esse caminho melhor que eles.

Depois um dos pontos altos do dia: o genial comediante Conan O’Brien, que largou seu posto de apresentador na TV americana pra se jogar de corpo e alma no digital e o ex-jogador Shaquille O’Neil, que como todo ex-jogador também teve que se virar pra manter sua “marca” ativa. Conn deu um show, lembrando da importância de se cercar de gente nova, criativa e confiar neles, além de estar sempre disposto a correr riscos. Lembrou também que a grande diferença no digital é que você abre um canal de diálogo com as pessoas, mas que o que era realmente bom na TV em 93 continua bom digital, basta saber como formatar o material e estabelecer o diálogo que vem depois. Já o gigante do basquete mostrou todo o seu carisma e humor quase monossilábico e causou uma invasão no palco após a palestra.

Eu disse que esse foi o ponto alto do dia? Eu menti, porque logo depois David Schwimmer, o Ross do Friends subiu no palco para falar sobre a louca campanha do Super Bowl da Skittles que fez um comercial milionário com o ator para ser mostrado apenas para uma pessoa. David conduziu uma hilária entrevista com o diretor de criação e o cliente, em que eles tentam explicar como tiveram a coragem de fazer uma estratégia como essa. E o cliente disse uma coisa que me marcou: coragem é algo que você constrói aos poucos, como Skittles fez ao longo dos anos. Só assim para ter a audácia de fazer o que fizeram este ano. Corri então para o estande da Dentsu na praia, onde mais uma vez o assunto em pauta era tecnologia. Alguns insights bem bacanas que anotei antes de correr pra premiação da noite: “Tão importante quanto o que você vai dizer é quando e como dizer”, “A.I. chegou pra ficar, não é perfeita mas ninguém pode se dar ao luxo de abrir mão dela”.

A noite terminou com mais um ponto alto (o terceiro, se não perdi a conta) com um belo benchmark para a minha agência, a Pro Brasil, em um jantar no “pelorain” com o VP de criação da DM9, Adriano Alarcon. A comida estava maravilhosa, mas a conversa foi ainda melhor. Até amanhã!

Publicidade

Compartilhe

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”

Patrocínio

Mobile Partner