Meio&Mensagem
Publicidade

Cannes Lions

17 A 21 DE JUNHO DE 2019 | CANNES - FRANÇA


22 de junho de 2017 - 19h20

Ontem assisti a um debate sobre times criativos dentro e fora da empresa.

Duas criativas que trabalham em agências tradicionais e dois criativos que trabalhavam em agências e hoje fazem parte do time interno do Dollar Shave Club.

A Discussão ficou mega quente e o papo foi muito interessante.

Eu tenho, na Avon, times criativos internos e temos também times nas nossas agências de publicidade.

E cada um contribui de uma maneira diferente.

Os times internos, são muito mais ágeis, porque se tem menos etapas para se passar o briefing e ver o trabalho. Esse set up é infinitamente mais barato –- pode chegar a custar menos da metade do preço. E dependendo do trabalho, consegue-se uma qualidade excelente e ao longo do tempo esses “criativos internos” ganham experiência, expertise e passam a conhecer as marcas muito bem.

Por outro lado, os times nas agências como tem muito mais “estímulo” criativo tendem a se manter mais genuínos e com uma visão talvez mais inovadora. Para manter os criativos motivados, é importante eles terem diversos desafios – e esse é um dos obstáculos ou desafios de um time interno dentro de uma empresa. Como mantê-los motivados trabalhando sempre na mesma marca? No nosso caso da Avon, como temos MUITAS sub-marcas, esse problema eu não tenho hoje.

Os meninos do Dollar Shave Club foram extremamente agressivos e até um pouco ofensivos sem necessidade, e hoje eles estão defendendo veementemente que criativos internos no cliente é uma solução muito melhor.

A minha experiência diz que esses profissionais, em sua grande maioria, têm uma tendência a alternar sua carreira – 3 anos aqui, 3 anos lá, 3 anos em outra coisa, etc… A lealdade com empresas é bem baixa porque, dentre outras razões, são o tipo de talento que fica entediado facilmente. Então estão constantemente procurando por mudanças e novos desafios.

Acho que no futuro próximo e com uma pressão global em todas as indústrias para diminuição de custos, veremos cada vez mais criativos dentro dos clientes. Até mesmo porque o modelo de negócio de agências vai mudar drasticamente nos próximos anos. Mas esse será o tópico do próximo blog. Stay tuned.

Bon Nuit & A demain.

Publicidade

Compartilhe

Patrocínio

Mobile Partner