Meio&Mensagem
Publicidade

Cannes Lions

17 A 24 DE JUNHO DE 2017 | CANNES - FRANÇA

Outdoor e Print concentram 30% das inscrições brasileiras

Áreas em declínio no número total de inscrições são as maiores esperanças de Leões do País

Alexandre Zaghi Lemos
17 de junho de 2017 - 15h20

O Brasil disputa os Leões desta edição de 2017 do Festival Internacional de Criatividade de Cannes com 3.020 inscrições, número que faz do País um dos únicos grandes competidores que aumentou o investimento no envio de peças ao evento neste ano. Foi uma alta de 7,7% do Brasil ante uma queda global de 4,5%.

Cerca de 30% das inscrições brasileiras foram feitas nas áreas de Outdoor (470 inscrições do País) e Print & Publishing (372) – categorias em que é o segundo maior concorrente do ano, atrás apenas dos Estados Unidos.

Como faz historicamente, o Brasil continua depositando mais esperanças na caça aos Leões nessas duas áreas que, paradoxalmente, sofreram queda no total de inscrições: -13% em Print & Publishing e -12% em Outdoor.

 

Inscrições brasileiras 2017
Outdoor 470
Print & Publishing 372
Promo & Activation 243
Direct 239
Health & Wellness 203
Cyber 199
Media 177
Design 172
PR 171
Mobile 139
Entertainment 129
Radio 103
Film 95
Film Craft 60
Creative Data 59
Digital Craft 47
Entertainment for Music 36
Glass 25
Pharma 20
Product Design 15
Titanium 15
Innovation 13
Integrated 11
Creative Effectiveness 7
TOTAL 3.020

O 64º Cannes Lions acontece com duas características raras para o evento: a queda no número de peças inscritas e a manutenção dos mesmos 23 júris e 24 áreas do ano anterior (Titanium e Integrated têm o mesmo júri).

O Festival não amargava diminuição de inscritos desde 2009, quando houve uma retração bem maior, de 20%, reflexo da crise global após a quebra do Lehman Brothers, em 2008. A partir de 2009, impulsionado pelo lançamento de novas áreas todos os anos, o Cannes Lions não parou de crescer seu total de concorrentes, saindo dos pouco mais de 22 mil inscritos naquele ano, até retomar, em 2011, o patamar superior aos 28 mil trabalhos no qual estava em 2008. Em 2012, cresceu 19% e continuou batendo recordes, superando a barreira dos 30 mil concorrentes, e avançando acima dos 40 mil em 2015.

Esta edição de 2017 já está marcada por movimentos da Ascential, dona do evento e novata na Bolsa de Londres, onde fez seu IPO em fevereiro do ano passado, no sentido de controlar o gigantismo do Cannes Lions em benefício da manutenção de sua relevância para a indústria global. O mais significativo deles foi a decisão de não lançar uma nova competição, algo que não acontecia desde 2004, justamente o ano em que o evento foi comprado pelo atual controlador.

Até então, só existiam seis competições:
-Film (desde 1954)
-Press & Outdoor (lançada em 1992, desmembrada em 2006 e hoje Print & Publishing)
-Cyber (1998)
-Media (1999)
-Direct (2002)
-Titanium (2003)

A partir de 2005 foram inauguradas as outras 17 áreas que mobilizam 23 júris em 2017:
-Entertainment for Music (2016)
-Digital Craft (2016)
-Glass (2015)
-Creative Data (2015)
-Health & Wellness (2014)
-Pharma (2014)
-Product Design (2014)
-Innovation (2013)
-Mobile (2012)
-Branded Content & Entertainment (2012, hoje Entertainment)
-Creative Effectiveness (2011)
-Film Craft (2010)
-PR (2009)
-Design (2008)
-Integrated (2007)
-Outdoor (2006)
-Promo & Activation (2006)
-Radio (2005)

Publicidade

Compartilhe

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”

Patrocínio